sexta-feira, dezembro 31, 2004

Depois de casa arrombada… trancas em tudo quanto é sítio!

Um italiano foi acusado de “simular um acto delitivo” pelas autoridades austríacas por ter enviado um sms à mulher a dizer que o avião em que seguia tinha sido alvo de um acto terrorista. O brincalhão enviou a mensagem pouco depois de partir de Sydney, e quando chegou a Viena tinha a polícia à perna.

( http://www.truquesedicas.com/artigos/tecnologia/00489a.php)

Caros conterrâneos, se a moda pega em Portugal, esqueçam sms para os amigos do tipo “Zé, ‘tou em Tel-Aviv a comer umas pitas brutais!”, ou habilitam-se a ter malta do DIAP à espera no aeroporto.

Também convém evitar mensagens que desencadeiem todo o sistema de Protecção Civil, do género “Joca, ´tou na Fonte da Telha a surfar, acabei de apanhar uma onda para aí com 10 metros!”.

CGA

Jornal “Metro”

Foi hoje lançado o jornal gratuito “Metro”, e meus caros amigos da Metro Intrenational e do grupo Media Capital, já tenho uma sugestão a fazer.

No final de cada edição podiam pôr um cartaz como aqueles do Euro-2004 a dizer

“ Faltam 450 dias para a reabertura do Túnel do Rossio”

CGA

O Tsunami – Pensamento II

Depois do que foi visto na televisão, acho que aquele anúncio dos computadores Tsunami passou a ser ridículo.

Para quem não sabe, o anúncio não é mais que um ET que pergunta a um puto “Tsunami?” e o puto diz “Tsunami”, e ele “Tsunami?” e o puto “Tsunami”.

Sinceramente, depois de tanta notícia na TV até os ET’s já sabem o que é um Tsunami.

Um gajo acreditar no ET já é um esforço, mas isto também é gozar com a nossa inteligência, pá.

CGA

O Tsunami – Pensamento I

Mais do que pensar nas pessoas que morreram, há que pensar nos traumas com que as pessoas que sobreviveram a esta catástrofe ficam.

Por exemplo, já alguém pensou que estas pessoas nunca mais podem ver um jogo de futebol ao vivo descansadas?

Ele é um gajo estar descansadinho a ver a bola e haver um tipo qualquer que grita “Olha a onda!”

Uma pessoa fica nervosa, obviamente.

CGA

terça-feira, dezembro 28, 2004

Piada Burgessa de Natal:

Porque é que a ceia de bacalhau é tão especial para os pedófilos?

Porque é a única altura do ano em que comem um graúdo!

CGA

Burgessos da Rapaqueca - Semana VII

by Toni Burgesso

Camaradas, lá se passou o Natal, aquela noite de paz e amor em que as famílias ficam em casa, o que no caso da família Loureiro até é bom, sempre não arranjam problemas com o tribunal! Eh eh!

Os defesas do Sporting que saboreiem bem o bacalhau, esse conterrâneo do Karadas, porque cheira-me que acabam o 2004 a comer um da Noruega, e começam o 2005 a serem comidos por um norueguês! Eh eh eh!

Como prenda de natal, a minha Isilda deu-me um daqueles bonecos que gritam quando o Benfica marca golo. Eu ao princípio achei estranho aquilo vir sem pilhas, mas depois a minha Isilda lá me explicou que, da maneira como o Benfas anda a jogar, o boneco não vai gritar tão cedo!

É uma poupada, a minha mulher!

O meu cunhado também recebeu um do Sporting, mas com dois jogos de 4 pilhas! Vá-se lá saber porquê… mesmo assim a minha Isilda foi poupada, porque mandou uma carta para o Liedson a dizer que o anafado avançado era responsável por 36% dos golos lagartos, logo estava-lhe a dever 3 pilhas alcalinas!

O meu puto recebeu um jogo de futebol para a consola. Eh pá, o raio dos bonecos parecem cada vez mais reais.

Eu às tantas até disse ao puto: “Eh lá, isso até se confunde com um jogo de futebol a sério!”, mas o espertinho respondeu logo “Alguma vez? Então tu não vês o Paulo Almeida a correr? Isso vê-se logo que é tanga!”

Parvo do miúdo já anda a aprender piadinhas com a mãe.

Quem recebeu um presente de Natal envenenado foi o Beira-Mar. O treinador checo que ainda agora tinha sido contratado afinal deu de frosques. É caso para dizer que o Pai Natal passou-lhes um checo sem cobertura! Eh eh!

O Burgesso, que até é um gajo que conhece aí os meandros das estrelas da bola, teve acesso a alguns pedidos que a malta que anda no mundo da bola fez ao Pai Natal, e lança aqui a lista:

O que eu pedi ao Pai Natal…

Simão Sabrosa Um livro de penteados

Argel Uma boneca insuflável com cabelo branco p’ra eu beijar!

Trappatoni Jogadores (menos um tal de Roger de que os jornalistas falam muito e eu não sei quem é)

José Veiga Um dicionário de língua portuguesa

McCarthy Um bilhete para sair do Porto

Carlos Alberto Dar o meu bilhete ao McCarthy

Quaresma Um anel para o dedo mindinho

Fernandez Este año ya ganhê dós Copas, más do que merieço, portianto no prieciso de niada en lo Natialê!

Pinto da Costa Eu num me dou cum giente que equipa de bermelho, carago.

Esse mouro que num se atreba a passar nas chaminés do Puorto que eu tenho um Super Dragon em cada casa p’ra lhe dar no focinho!

Carolina Salgado O mesmo que peço aos outros, não há cá descontos!

Pedro Barbosa Uma caixa de croissants

Rochemback Uma caixa de supositórios p’ra dar p’ro Peseiro (ele já sabe onde os tomar que eu lhe disse)

José Peseiro Um cubo de actividades para eu perceber como é que encaixo o Tinga no losango

Dias da Cunha Eu não pactuo com essa gente! O Natal é um sistema com duas faces: o Pai Natal e o Menino Jesus. E o Sporting, como sempre, vai lutar contra o sistema até descobrir algum ponto nele que dê para aproveitar.

Família Loureiro O nº de telefone da Fátima Felgueiras

Oleg. Benquerença Um par de óculos lente “fundo de copo de três”

Jacinto Paixão Gajas

Com tanto pedido acho que o Pai Natal vai fazer como o Bagão e dizer à malta: “Usem mas é esse dinheiro das prendas para pagar ao Fisco!” Eh eh eh!

Entretanto está aí a chegar o 2005, que em termos futeboleiros vai começar com o grande derby Sporting – Pampilhosa da Serra. Para quem acha que estou a gozar lembro que o Pampilhosa é da III divisão, a mesma da AD Oliveirense. Logo, é um digno substituto do Benfica! Eh eh!

Mas sobre o 2005 falamos depois! Agora é hora de preparar a garrafita de espumante, e comprar pilhas ao boneco, que eu estou cá com uma fé que 2005 vai ser vermelho! Eh!

Até para o ano, gente da bola, que é como quem diz, até para a semana!


CGA


quinta-feira, dezembro 23, 2004

Governo Pleonásmico

by Zé Burgesso


O Actual futuro Ex-Ministro do Ambiente Luis Nobre Guedes ameaçou demitir-se devido a divergencias com o actual futuro ex-Primeiro Ministro Pedro Santana Lopes.

Como é que um membro de um governo que se demitiu após ser destituído pelo Presidente da República, ameaça demitir-se do cargo que já não é seu?

"Não Não, tu não me mandas embora, eu é que me quero ir embora !! "


MAP

segunda-feira, dezembro 20, 2004

Burgessos da Rapaqueca - Semana VI

by Toni Burgesso


NATAL A TRÊS

Pois é, camaradas da bola, o Natal este ano é como o Sol, nasceu para todos! A tradição já não é o que era e o Sporting ainda não está a dez pontos do líder!

Os lagartos lá ganharam, e pelos vistos este natal vai ser mesmo repartido a três. Já não bastava termos de associar umas bolas azuis ao nosso Natal vermelho, agora vamos ter de pôr azulejos no presépio!
Onde é que já se viu isto... e ainda por cima presépios do Taveira!
Acho que o meu puto me vai perguntar no fim do Natal:
– Oh pai, porque é que o burro passa a vida a dizer à vaquinha: “Aguenta, sua vaca, não chora...” ?

O shôr árbitro é que já vai poder receber a família toda lá em casa no Natal. Pelo menos cadeiras não lhe faltam! Eh eh! Estes adeptos do Vitória são uns mãos largas!

O Hugo Viana até teve direito a levar com moedinhas. O que a julgar por aquela barba de 3 meses é normal. No Natal dá-se sempre qualquer coisa aos sem abrigo.


Para ajudar à benesse, o guarda-redes do Vitória ainda deu um perú que chega para o plantel inteiro, portanto lá vamos ter o prazer de ver o Peseiro a comer de boca aberta.

Quem também se safou foram os jogadores do FêCêPê, que não perderam a embalagem que os colombianos lhes deram e derrotaram em casa o agora poderoso Moreirense, o único clube da Superliga que se dá ao luxo de deixar na bancada dois gajos que valem oito milhões de contos!

Embalado vinha também o “Jim Carrey”, que mesmo a precisar de ir a revisão lá fez o golito da praxe.

Quem veio mesmo muito embalado do Japão foram o Carlos Alberto e o Senhor dos Anéis, tão embalados que aterraram na equipa B, sob o comando do tripeiríssimo Domingos Paciência, e arriscam-se a ver os jogos do FCP na bancada.
Ironia das ironias, é mesmo caso para dizer: para estes dois, aos Domingos... Paciência! Eh eh eh!

O roupeiro do Moreirense, adepto fanático dos tripeiros, foi “sentir o cheiro” da Taça Intercontinental, e voltou todo sorridente.
Pois, é o que dá terem deixado os colombianos do “Once Caldas” mexerem na Taça! Eh eh! Ela bem que me parecia um bocado esbranquiçada…

O Victor-nem-sei-como-é-que-sou-campeão-intercontinental-Fernandez foi dado esta semana como possível treinador do Real Madrid.
Claro, claro. Deve ir para lá treinar o Beto do Sporting! Eh eh!

O outro gang do Invicta, a malta do xadrez, foi sovado pela malta da pedreira por 3-0. Já não bastava a tareia descomunal que levaram, o Tiago ainda brindou a malta com um belíssimo autogolo, pá!

Para quem não sabe, e p’ra não virem cá dizer que isto não tem uma parte didáctica, um autogolo é quando um tipo que habitualmente joga contra nós decide fazer um golo a nosso favor.
Tipo o golo do Argel a favor do Benfica, ‘tão a ver?

Por falar no Xerife, a dupla Frota / Castelo Branco perdeu muita popularidade este fim-de-semana, e o que está na moda agora é o casal Argel / Trappalhoni!
Eh eh! Agora mais a sério, eu não entendo a bichanice da massa adepta, pá. Eu desde pequenino que sempre me habituei a dar um beijinho ao meu avô!

Depois do jogo, o italiano defendeu o Argel, como tem vindo a defender toda a equipa. Consta até que esta semana um adepto gritou num treino: “Vocês são todos uma cambada de coxos!”, ao que o vetusto treinador respondeu “Non é vero, amico. O Manuel Fernandes está solo suspenso.”

Quem foi convocado para o Benfas-Penafiel foi o Dom Sebastião do Joelho, o Mantorras. Os três grandes lutam agora com armas iguais: o Benfica tem à disposição um ponta de lança tão coxo como o Pilinha e o Fabuloso!

A malta até já anda excitada com a ideia de ver o palanquinha em acção. Para comemorar este acontecimento, o Burgesso lança aqui um concurso, em que o vencedor habilita-se a uma viagem guiada ao Museu do Benfica! Eh eh!

Ora ca vai então a Pergunta Burgesso da semana:

“Quanto tempo vai aguentar o joelho do Mantorras?”
A. Lesiona-se no aquecimento
B. Rotura a subir os degraus para o relvado
C. 30 minutos e dois carrinhos
D. 2 jogos e meio
E. Até jogar pela selecção e pisar uma mina
F. Até final da carreira (a quem apostar nesta resposta também oferecemos uma consulta gratuita num psiquiatra)

Mudando a agulha e desviando o assunto, os jogadores do Benfica foram na passada segunda-feira ao circo viver uma experiência diferente: ver outros a fazer figura de palhaços, depois de no dia anterior terem sido eles os artistas principais em Belém!

Consta, contudo, que o momento alto terá sido a exibição do ilusionista.
Primeiro o artista fez aparecer uma carta, ao que a malta terá gritado: “Grande coisa, o Veiga fez aparecer a mãe do Robinho!”
Depois, o famigerado aspirante a mago fez desaparecer um coelho, ao que o Luís Filipe Vieira terá ripostado: “Olha lá, hum, deixa lá isto p’ra quem sabe, hum?” e Puf!, fez desaparecer um camião das obras!

Os jogadores benfiquistas estiveram ainda para participar no Natal dos Hospitais, mas ao que parece já não havia vagas na assistência! Eh eh! Acho que este Natal vou pedir um coração novo, que estes gajos dão-me cabo deste.

Mudando a bitola para assuntos mais internacionais, os lagartos apanharam para a taça UEFA os holandeses do Feyenoord, cujo estádio é apelidado da “Banheira de Roterdão”. Ou seja, vamos ter o jogo mais higiénico da Taça UEFA: uma mão joga-se na banheira, e a outra na casa de banho! Eh Eh!

Hoje disputou-se a gala da FIFA, e o melhor jogador do Mundo foi o Ronaldinho Gaúcho, o irmão do Assis.
É mais um grande triunfo do Sporting: não bastava terem um treinador que estudou na mesma turma do melhor treinador da Europa, também já podem dizer que tiveram o irmão do melhor jogador do Mundo! Eh eh! Estão em grande, pá!

Cambada de bichos!

Feliz Natal!

CGA



sábado, dezembro 18, 2004

Tudo a dobrar...

O blog do burgesso está a dobrar. Não, não é do vodka, mas já são 2 burgessos aqui no blog.

Será que isso é bom ??

Veremos !!

MAP

quarta-feira, dezembro 15, 2004

Burgessos da Rapaqueca - Semana V

Pessoal, o comentário desta semana também deve ter ido ao Japão com o FêCêPê, porque ficou com Jet-Lag e chegou com dois dias de atraso!

Não, agora fora de brincadeiras, isto tem de ir por correio electrónico, e a malta sabe muito bem como é que funcionam os correios na altura do Natal!

Pronto, está visto que as minhas desculpas de queixinhas pegam tão bem com as do Santana Lopes!

Bom, mas por falar em FêCêPê, a tripeirada anda toda emproada por terem sido coroados campeões de todo o Mundo, excepto a Ásia, a África, a Oceânia, a América do Norte e a América Central.

Num jogo competitivo e tão rápido e electrizante como as partidas entre o Karpov e o Kasparov, os portistas fizeram jus à fama de raçudos na abordagem ao jogo, e os colombianos também não deixaram cair a sua fama, e passaram o jogo todo “snifados”! Eh Eh!

Cá para mim, “Once Caldas” é um nome demasiado pomposo para aquela equipa de “Paulos Almeidas”, pá. É que os “once” colombianos juntos não valiam um das Caldas!

O jogo só chegou a penaltis, porque se de um lado estava o “Once Caldas”, do outro estavam os “Onze Baldas”! Eh eh!

Quem veio contentíssimo da viagem ao Japão foi o Pinto da Costa, que vai recomendar a ida aos amigos do Apito Dourado. E que a malta foi impedida de frequentar casas da noite portuguesa, mas as boas casas de alterne do Japão abrem para aí às nossas três da tarde! Eh eh!

Apesar de falhar um penalty, o “Jim Carrey do Porto” ganhou um carro desportivo por ter sido o melhor em campo, e disse no final da partida: “Dedico este prémio à minha família”


Cá para mim o irmão do Maniche que vive na penúria e a quem ele não liga puto já lhe deve ter ligado a dizer: “Oh Nuno, eu quero as minhas jantes, pá!”

Por falar em Nuno, os jogadores do FêCêPê já sabem o que vão dar no Natal ao guarda-redes titularíssimo sempre que o Baía ‘tá de molho: o livro didáctico
“Ás vezes os jogadores também chutam para o teu lado esquerdo, totó!”
Eh eh! Há gajos teimosos, pá!

E por falar em teimosias – isto hoje está deveras encadeado, pá –, o Benfas não desgruda do Porto nem que lhe paguem! Os homens gostam tanto dos tripeiros que, como eles não jogaram para a Superliga este fim-de-semana, o Benfica resolveu fazer o mesmo!

O terramoto de epicentro em Belém e magnitude 4.1 na escala de Trappalhoni deu um abanão nas apirações da malta, pá.
O glorioso já não comia quatro pastéis de Belém num jogo desde os tempos em que o Trapalhoni tinha cabelo escuro!

Alguns pseudo-benfiquistas pertencentes às facções idiossincrásicas de adeptos (há quem lhes chame outras coisas, mas isto hoje ‘tá com um nível vocabular muito à frente!) atiraram pedregulhos ao autocarro da equipa.
Foi um desperdício de pedras. Se tivessem encostado as vossas cabeças ao autocarro, tinham furado as janelas muito mais facilmente!
Cambada de burgessos!

Quem nos deu uma pequena alegria no fim-de-semana foi o Jesualdo. O Braga, depois de ter deixado o Dragão sem fôlego e de ter apagado a Luz, puxou o Autoclismo!
O Sporting queixa-se de ter sido roubado no golo do Hugo Viana, mas há que dar um desconto ao fiscal, pá. É que o Hugo Viana é muito rápido. O tipo anda tão depressa, tão depressa, que às vezes até capota! Eh eh eh!

O mentalmente ágil como um caracol Dias da Cunha veio dizer, ainda antes do Belém-Benfica, para atentarem nos benefícios do rival nos últimos dois jogos.
Eu nisso tenho de concordar com o quezilento velhote: principalmente no penúltimo jogo, o Glorioso foi extremamente beneficiado na fantástica vitória de 0-1 com o Leiria! Eh eh eh!

Eu quando ouço o Dias da Cunha até tenho pena dele, e passo a vida a perguntar-me a mim mesmo: “Mas quem é a criatura maldosa que escreve os textos para este homem?”

Assim como assim, quem já vai na frente são os tecnicistas do Pacheco. A malta benfiquista bem queria animar a quadra com um Pai Natal vermelho, mas quem vai à frente é o Abominável Homem das Neves!

Entretanto, o Deco ficou em segundo lugar na bola de ouro, troféu ganho pelo Shevchenko, que é ucraniano.
Ou seja, já não bastava o Festival Eurovisão da Canção, agora até as votações da bola são políticas!

Cambada de bichos!

Inté, camaradas!

segunda-feira, dezembro 06, 2004

Burgessos da Rapaqueca

O Papa não é santo!
.
.
Pois é, companheirada da redonda, depois dos tristes acontecimentos da passada semana, o burgo lampião voltou a sorrir: o Papa foi à choça!
Mas calma, antipatizantes do aspirante a Jô Soares da Invicta: o homem foi só de passagem. Uns dizem que foi só para testemunhar, mas eu cá acho que ele fez o que qualquer homem de classe faz: primeiro foi ver as instalações e fazer o check-in, e depois é que se muda para lá de vez.

O asqueroso presidente foi chamado a depor no processo do Apito Dourado. O que é absolutamente ridículo: se o processo é por causa de um apito de ouro, porque é chamaram o homem do marfim? Eh eh eh eh!

Ainda se o processo se chamasse “A pita dourada”, ainda o podiam chamar por causa da namorada. Mas para isso tinham de chamar mais 150 clientes das casas nocturnas do Reinaldo Teles! Eh eh eh!

Por falar em marfim, eu propunha aos nossos camaradas Diabos Vermelhos uma tarja mais simpática do que a já célebre:

“O orelhas é o nosso presidente;
A p*** é de toda a gente”

Visto que a pindérica primeira dama azul e branca chamou orelhas ao Filipe Vieira, e como p’ra mim orelhas é o célebre elefantinho Dumbo, podiam mudar a faixa para:

“Oh orelhas, nosso grande presidente;
Se não te pões a pau, o Pinto da Costa leva-te um dente!”


Eh eh eh!
Esta ao menos não tem asneiras, e a Polícia não pode tirá-la por ser ofensiva.

Entretanto, o tripeiro mor lançou uma autobiografia sobre o tempo de dirigismo do FCP.
Cá para mim daqui a uns anos sai uma segunda edição da autobiografia em Banda Desenhada.
É que, pelo andar da carruagem, os próximos anos do Pinto da Costa vão ter histórias aos quadradinhos! Eh eh eh!

Quem deve estar aliviada é a malta que preferiu denominar a nova banheira azul e branca de Estádio do Dragão, em vez de lhe dar o nome do presidente, como muita gente queria.
Convenhamos, meus amigos: é mais bonito ter um “Estádio do Dragão” do que um “Estádio do Ladrão”! Ah ah ah!
Eu hoje acordei p’ra implicar com o homem, o que é que se há de fazer?!

Com esta risota toda à conta do malfadado presidente tripeiro, quase me esquecia de vos lembrar que os morcões levaram outra vez na pá, outra vez no estádio do Dragão, e outra vez por 0-1.

Se os desgraçados continuam com esta regularidade, no final da época podem pegar nas gravações dos jogos em casa e fazer um remake do “Never Ending Story”! Eh eh eh!

Eu propunha até outra faixa aos camaradas DV quando o Benfas fosse ao Porto:

“0-1, Dejá vú
O FêCêPê a levar no..”

.
Ou então não, esta se calhar a Polícia já recolhia.

Quem estava felicíssimo com o 0-1 era o castiço treinador aveirense, o Cajuda.
Finalmente percebi porque é que o barbudo e simpático treinador se chama Cajuda. O homem consegue perder com quase toda a gente, mas empata com os lagartos e ganha aos tripeiros.
Ou seja, ele é o Manuel “Cajuda” o Benfica! Eh eh!

Além do Porto perder e o PC ir visitar a bófia, o Sporting ganhou com uma carga do Liedson sobre o Pedro Roma. Isto o sistema já não é o que era, pá!

Mesmo assim, o Peseiro ia metendo a pata na Polga ontem.
Meteu o brasileiro no banco, e não fosse o rato atómico ter feito dois golos e meio e lá andava o homem toda a semana com a Polga atras da orelha!

O brasileiro até nem esteve mal na UEFA. Já estava destinado que a lagartagem ia mamar uma derrota.
Um jogo que se chama “Sporting – Chuchaux” só podia dar nisto! Eh eh eh!

Eduardo Barroso, o cirurgião lagarto que tem tanto de imparcial como de magro já disse: “ O campeonato está no papo!”
Se for no dele não esta só o campeonato. Com a pança que o lagartão tem devem lá estar todas as taças da história do Sporting!
E depois queixaram-se quando o “bicho” encomendou as faixas...

Olegário Benquerença, o já célebre “cegueta da Luz” está metido em trabalhos.
Não bastava a malta do “apito Dourado” andar em cima dos árbitros habilidosos, o pequenote JVP queixou-se de uma forma que ainda vai fazer o Olegário prestar contas ao DIAP.

Disse o baixote: “Disse-lhe que estava mortinho por me mostrar o cartão. Ele então olhou para mim com um ar de gozo, de prazer, parecia que estava a ter um orgasmo...”
Perante a gravidade da situação, cabe-me açambarcar dois considerandos:
1. Já lhe vi chamarem muita coisa, mas cartão assumo que é a primeira vez!
2. Se lhe juntam o “Apito Dourado” a esta acusação estilo “Casa Pia”, ainda lhe montam um processo acumulado, o “Assopro Dourado”! Eh eh eh eh! Muito bom!

Para acabar em beleza o weekend futeboleiro, há bocadito o Glorioso apanhou outra vez a agremiação azul e branca.
Mas o jogo com o Estoril nem parecia um espectáculo de futebol: havia tantos benfiquistas lesionados e um àrbitro tão cego, tão cego, que a minha Isilda pensava que eu estava a ver o Natal dos hospitais! Eh eh eh!

Antes do jogo, numa conferência de imprensa no fim-de-semana, o Trappalhoni provou mais uma vez que conhece tão bem o Roger como o Dias da Cunha conhece o sistema. O vetusto treinador encarnado devia acrescentar mais um lembrete na sua já concorrida agenda matinal.

Agenda Matinal Trapattoni


Bom dia, Giovanni.
Lembretes do dia:

1. Estás em Portugal.

2. És treinador do Benfica.

3. O Benfica equipa de vermelho e joga no Estádio da Luz.

4. O estádio fica em Lisboa. Chegando lá eles dizem-te onde é que vais treinar hoje. Consultar mapa da mesinha de cabeceira para auxílio.

5. O Roger é brasileiro, joga futebol e pertence ao Benfica.

6. O Benfica é o clube que tu treinas, pá. Ver pontos 2 e 3 novamente.


Por falar em tipos que não sabem bem onde estão nem o que devem fazer, o Santana Lopes, antes de cair, tentou arranjar um Ministro do Desporto para substituir o Chaves.

Logo veio à baila o nome desse grande benfiquista, o Fernando Seara, o homem que desperdiça a sua inteligência todas as segundas-feiras a explicar ao Dias Ferreira o que é uma bola, e a tentar dizer-lhe delicadamente que, mesmo que o barbudo insolente fosse o Hitler, a malta preferia tomar duche nas câmaras de gás a rir-se das piadas dele!
Irra, eu há dias que prefiro as tolices do “Papa”, pá!

O Benfas, segundo os pasquins futeboleiros cá do burgo, vai fazer uma pausa na sua profícua senda no mercado brasileiro (de onde ultimamente saíram grande nomes como o rapidíssimo Paulo Almeida ou o cerebral Everson, que quase quase quase jogava contra o Estoril) para voltar a contratar jogadores comunitários.

Tem lógica: com a adesão a Comunidade Europeia de grandes potências futebolísticas como o Chipre ou Malta, o “Benfas” volta a ter poder de compra para este tipo de jogadores! Eh eh!
Estas piadas masoquistas matam-me!

Espreitando o olho à jogatana de amanhã, espera-nos um grande embate entre um clube que equipa de azul, está cheio de hooligans, tem quase metade da equipa feita de campeões europeus, e tem um presidente corrupto, e o Chelsea! Eh eh eh! Olha que belo par de jarras!

O arrogante Mourinho volta amanhã à casa mãe, e já disse que traz seguranças. O Papa disse que, para andar com segurança, só se fosse por actividades menos lícitas que ele teve no Porto.
Agora é que eu percebi porque é que o Pinto da Costa precisou de escolta dos Super Dragões para prestar declarações! Eh eh eh!
“Diz o roto ao nu…”

Cambada de bichos!

Inté!