domingo, maio 08, 2005

Burgessos da Rapaqueca - Semana XXVII

Faltam 2 jornadas para o Luisão se ir embora...

Camaradas crentes, o Sporting deu uma grande alegria à massa adepta benfiquista ao colar-se ao Glorioso antes de ir à Luz: é que o Setúbal e o Boavista também o fizeram esta temporada, e depois levaram 4-0! Eh eh! Era bom, era…

Pois é, a lagartagem passou para primeiro, e já dizem que agora é só ir à Luz e ser campeão.
Eu acho que o pessoal do Sporting sofre de síndrome de ejaculação precoce: gozam sempre antes de tempo! Eh!

O jogo ontem até lhes correu bem, excepto quando o Liedson mostrou mais uma vez que não gosta de jogar contra o Benfica e quis levar um amarelo.

Ao que parece os dirigente do Sporting estão agora a tentar oferecer mais bolas e equipamentos ao Pampilhosa da Serra para eles dizerem que o jogo da taça não valeu e que têm de o repetir esta quarta-feira! Eh eh!

Esta algazarra lagarta também deriva do facto do Glorioso ter ido jogar(?) a Penafiel, e como o àrbitro não lhe foi fiel saiu de lá cheio de Pena!
Isto foi um trocadilho, ó pessoal...

O Glorioso entrou sem o Manuel Fernandes, Luisão e Nuno Gomes, e pior que tudo, o Penafiel entrou com o N’Doye, o homem que só marca a grandes equipas e ao Sporting!
Cá para mim este N’Doye ganhava uma pipa de massa se trabalhasse a recibos verdes: qualquer clube que jogasse contra um grande queria o homem no ataque!

O Trappatoni revolucionou ao pôr o Karadas sozinho no ataque, pensando que o norueguês era um jogador rápido.
É bem feito, é o que dá pô-lo nos treinos a fazer sprints com o Paulo Almeida! Ah ah!
Nabo!

O staff dos clubes rivais passou a semana toda a dizer que o Pedro Proença era benfiquista, e o homem de facto fez-me lembrar aqueles benfiquistas que se sentam atrás do banco do Trappatoni: à primeira oportunidade mandam o clube abaixo!

Se este tipo é benfiquista, deve ter sido envolvido numa campanha de trocas com o FêCêPê: nós temos o Veiga a trabalhar para nós, e eles ficam com o Proença a trabalhar para eles! Eh!

Aliás, o Pedro Proença até vai receber uma águia de ouro pela arbitragem que fez em Penafiel, e consta que a vai meter na sua vitrina dos dourados, bem ao lado do Apito que lá tem!

Entretanto o Porto também jogou, mas esta semana estou aqui para falar de candidatos ao título!

A única nota de excepção vai para o Boavista, que perdeu em casa, mesmo tendo como estímulo os novos treinadores Pedro Barny e Bobó.
E, meus amigos, quando já nem o Bobó estimula a malta, as coisas vão mesmo mal…

Na qualidade de tuga, queria dar os parabéns aos lagartos por terem passado na taça UEFA e por terem mexido os cordelinhos na UEFA. Sim, porque jogar uma eliminatória a uma só mão, ainda por cima em casa, não é para todos! Eh!
Já dizia o Dias da Cunha: “It´s the system”!

Queria também dar os parabéns ao Miguel Garcia, que depois de um penalty falhado na Luz e de uma cacetada de ombro em Alkmaar, conseguiu dar alegrias a mais de 80% de Portugal! Grande maluco!

Depois do jogo, estranhei ouvir dirigentes do Sporting a dizer que se iam queixar à UEFA porque o campo do AZ Alkmaar era pequenino e deviam ter jogado noutro estádio, e pensei: “Mau, tu queres ver que eles queriam jogar com os holandeses no Algarve?!”

Já o treinador do AZ disse que o Sporting foi ajudado pela Nossa Senhora de Fátima.
Ora se considerarmos que anda para aí muito boa gente a dizer que Deus ajuda o Benfica, cheira-me que vamos ter derby de santidades no sábado!

Quem vai precisar de mais cordas vocais são os adeptos do Benfica: além de gritarmos "Trappatoni, mete o Mantorras!" também vamos gritar "Peseiro, mete o Hugo!" Eh eh eh!

Até para semana!

CGA