quinta-feira, junho 30, 2005

Testes Psicotécnicos do Burgesso: Líder de gang

É o negócio da moda, meus amigos.

É juntar uns amiguitos lá do bairro, e faz-se uma campanha de uma horita numa praia ou num qualquer comboio da linha para ter em stock telemóveis, óculos de Sol, protectores solares, pastas, anéis, relógios e afins.
Depois improvisa-se um "Monte Abraão Outlet" e está tudo vendido.


"Líder de gang" é a segunda melhor forma de ganhar dinheiro sem fazer nenhum, a seguir a "Reformado em actividade política".

Simplesmente, meus amigos, isto não é para quem quer, é para quem tem peito.

E escusam de pôr silicones e tal. Isto ou se nasce com peito ou se cresce na Amadora.

Ainda assim, preocupado com as escolhas erradas da nossa juventude, o Burgesso elaborou um teste psicotécnico para vos ajudar, caros aspirantes a amigos do alheio, a perceberem se têm pinta de "Sopranos" ou se o vosso futuro é roubar chicletes na merceira da esquina.

TESTE PSICOTÉCNICO: Serei um líder inato de um gang?

1. Acabaste de ver uns ténis que custa 120 euros. A tua mãe deixa a carteira à vista com os 150 euros que recebeu da limpeza dos prédios. O que fazes?
a) Aviso a mamã para se proteger, depositando o dinheiro no banco
b) Bem, ainda lhe sobram 30 euros para ir à mercearia…
c) A velha não tem dinheiro na carteira. Quem recebe a guita sou eu.

2. Um cego anda a pedir numa zona chique da cidade e factura 150 euros por dia. O que fazes?
a)
Já não lhe dou a moedinha que ia dar, só o ajudo a atravessar a rua.
b) Apanho-o um dia a jeito e roubo-lhe os 150 euros.
c) Faço-o perceber que, ou me dá 75% da receita diária, ou vai ser o primeiro cego a ver estrelas.

3. A polícia entra no teu bairro e prepara-se para fazer uma rusga. O que fazes?
a)
Dirigo-me aos senhores agentes e identifico os principais traficantes do meu prédio.
b) Desfaço-me do xito antes que a bófia me bata à porta.
c) Dou-lhes os 200 euros da praxe e mando-os pregar para outra freguesia.

4. Há rumores de que Zé Chibanga, o maior traficante de um bairro vizinho, quer ser dealer na tua zona. O que fazes?
a)
Arranjo um part-time para a renda da casa. É melhor fugir deste bairro.
b) Fixe, a concorrência baixa os preços!
c) Coitado do Zé, era um bom rapaz…

5. A polícia marítima reforça o combate à droga e a matéria importada da Colômbia começa a escassear. Qual a tua opinião?
a)
É um bom começo, mas há que ter em conta que havendo menos, custa mais, as pessoas têm menos acesso, entram em desespero e pode aumentar e piorar o tipo de criminalidade.
b) É por essas e por outras que eu tenho uma planta de cannabis no quintal.
c) Há que reforçar tanto a nossa produção nacional no Alentejo como os contactos que temos via terrestre, mormente com os nuestros hermanos que recebem haxixe do norte de África.


CONCLUSÃO

Maioria de respostas a.
Fizeste este teste por brincadeira, certo? O gang mais perigoso do qual podes ser líder é o gang dos Escuteiros. São bué de radicais, e andam na rua com paus e tudo. Vai ser a loucura.

Maioria de respostas b.
Podes muito bem vir a fazer parte de um gang, mas nunca como líder. Se queres um conselho, fuma o teu charrozinho nos festivais de rock, e tal, e vai tirar um curso profissional.

Maioria de respostas c.
Tens estofo para lidares com os adversários, tens visão de negócio, não tens pena nem da tua própria mãe. Parabéns, miúdo, és a escumalha em estado puro. Vais longe, e Portugal é demasiado pequeno para um visionário.
Se queres um conselho, emigra.


CGA

quarta-feira, junho 29, 2005

Mais uma manifestação !

Está a ser agendada uma nova manifestação no Terreiro do Paço, desta feita, pelos Professores com Horário 0.

Esta greve é originada pelo pedido que foi feito ao Ministério da Educação para que sejam cedidos para funções de apoio a Museus Nacionais, os professores com Horário ZERO (professores que não dão aulas por variadíssimas razões, mas recebem o ordenado como os seus colegas e não, não é uma baixa médica ou subsídio de desemprego).

Os professores com Horário 0, consideram desde já uma afronta dado que, numa altura de crise, um aumento na carga horária semanal iria criar imensas rupturas no seio familiar.

MAP

terça-feira, junho 28, 2005

Peso do Estado? Ora 6x3=18... é uma questão de fazer as contas.

É verdade, a síndroma Guterrista voltou a atacar. Ao que parece, as contas do orçamento rectificativo saíram furadas.
Ora tendo em conta a vertente poética e dramática do anterior Governo PSD, é bem caso para dizer:
“Saiu pior a emenda que o soneto”.

Ribeiro e Castro veio acrescentar uma nota do seu humor, oferecendo-se para disponibilizar uma máquina de calcular ao Governo.

Compreende-se. Segundo as últimas sondagens, os apoiantes do PP já se contam pelos dedos, de modo que a máquina também não estava a fazer grande coisa na sede dos Populares.

CGA

Não há homens do lixo!

Quais polícias, quais professores, quais quê! Finalmente uma greve que vai deixar o país na merda, ou pelo menos a sua capital.

Mesmo fontes ligadas às centrais sindicais já terão afirmado: “Isto das greves já começa a cheirar mal”.

Esta greve reivindica progressões na carreira trienais. Eu acho que também devia reivindicar algum respeito, com a breca.

A começar pela mania que as pessoas – nas quais me incluo – têm de chamar aos trabalhadores da recolha do lixo “homens do lixo”.

Ora se um tipo trabalha numa clínica de recolha de sémen, alguém lhe chama “homem do esperma”?

E os trabalhadores da Câmara que recolhem os cães e gatos vadios são os “homens da vadiagem”?
Então toca a ter respeito e tratar os homens do lixo com um nome à altura, como “Manuseadores de Recipientes de Resíduos” ou “Exterminadores de Ranço Público”.

Segundo apurámos, a greve pode ainda ter inesperados efeitos para a felicidade dos homens do lixo, como nos confidenciou um grevista:
– Três dias sem sair à noite, e a cheirar a rosas. Esta greve salvou-me o casamento!



CGA

segunda-feira, junho 27, 2005

Popularidade ao nível de um Tozé do Fogueteiro

É verdade, minha gente, a nossa popularidade não pára de crescer! Acabámos de ser "attachados" ao segundo blog - após o "attachamento" no blog Páginas de uma Lua - onde somos considerados um blog BRUTAL!

Isto é, um blog MUITO BOM...

BOM! Um blog bom...

Quer dizer, um blog fixe! Um blog fixe....

Ok, catita. Somos catita.

Não queria no entanto deixar passar o claro o facto de estarmos ACIMA do Gato Fedorento. ACIMA!

E agora venham cá com tretas de "Ordens Alfabéticas" e chouriçadas dessas.

Por acaso, os B até vêm a seguir aos A, e os C a seguir aos B e tal.

Agora generalizar e dizer que 'tá tudo por ordem alfabética, quer dizer!

Inveja, é o que é!


CGA

sexta-feira, junho 24, 2005

Cambada de drogados!

Que todos tínhamos cá dentro um religioso já eu sabia. Basta a situação ficar preta que toda a gente diz “Ai, meu Deus!”.
Quem não diz quando está preta, diz quando está “orgásmica”. É instintivo.


Agora descobri que o subconsciente da dor é um tipo devoto, mas planta cannabis no quintal.
Ok, com quase dois anos de atraso, mas descobri.

Andava eu a pensar que o meu subconsciente era de Direita, e está visto que tenho cá dentro um esquizofrénico em potência, capaz de ir à Missa de manhã e acabar a noite num comício do Bloco de Esquerda.

Pessoalmente, assumo a minha condição de prevaricador, mormente quando vou tirar sangue.
Caro leitor, se a quantidade do princípio activo da cannabis produzida for proporcional à dor e ao stress, cada vez que a senhora enfermeira me espeta o metal pontiagudo na veia os meus neurónios pensam que chegaram a Marraquexe.

Agora sim, percebo porque é que inclino a cabeça para trás e as pessoas me dizem: “Está tão branco!”.

Não é da dor, é da moca.

Como pai, surge-me aqui um problema grave: por um lado não quero que o puto se meta na droga, por outro às vezes dá vontade de lhe dar um palmadão na fralda.
Ou seja, quando o garoto faz asneira, em vez de lhe estar a dar uma “galheta pedagógica”, estou como que a dizer “Vá, toma lá a tua dose a ver se te acalmas”.

As autoridades policiais é que ainda não devem saber do facto, senão acabavam logo com a criminalidade grupal.
Na dúvida sobre quem fosse o autor dos desacatos, era afinfar porrada em todos e prendê-los por produção endógena de estupefacientes.


CGA

As questões que ninguém teve a coragem de colocar!

O Burgesso sabe que terão existido algumas questões elaboradas para os exames nacionais que foram censuradas, por haver indícios que tenham sido escritas por membros do sindicato, eventualmente transmitindo um ligeiro desagrado da classe docente face às medidas governativas.

Melhor ainda, recuperámos algumas dessas questões num caixote do lixo perto do Ministério da Educação!

Ou não.
Depende do que o leitor entende por "recuperar", "caixote do lixo" e "Ministério da Educação".



MATEMÁTICA:

Suponha que gere uma família de um professor com 30 anos que só agora arranjou uma porcaria de uma colocação: recebe 1000 euros mensais de um Estado fuinha e autoritário, paga 200 euros por cada um dos dois filhos que tem no colégio, paga 500 euros de renda de casa, 100 euros de água, luz e telefone, mais alimentação e o raio que o parta!
Assuma que a despesa do colégio, quando este acabar, servirá para outras coisas, e que só sobe de escalão por mérito, o que no caso de burros como vocês nunca iria acontecer.
Assuma ainda que o ordenado aumenta 2% ao ano, contra as despesas que aumentam para aí uns 5%.

Desenhe e indique os máximos e mínimos da função y = f(x),

com y = poupança, e x = anos de serviço.

NOTAS:
1. Para idade de reforma já pode considerar 65 ANOS!!!!
2. Se encontrar um máximo superior a zero, nem me entregue a prova.
Está CHUMBADO!

---------------------------------------------------------------------------------------------

---------------------------------------------------------------------------------------------

PSICOLOGIA:

Um professor sofre as agruras de ter estudantes idiotas e mal-educados como você.
Ainda assim, o Estado acha que nós vos devemos aturar mais 5 anos e irmos para a reforma xexés e com os pés para a cova.
Continuamos a trabalhar em escolas a cair de podre, e estamos mais de 20 anos para conseguirmos ser efectivos, a menos que nos inscrevamos na bela localidade de “Cú de Judas”.

A soma dos itens anteriores dá claramente uma vida de m****.

No entanto, o Governo analisa a situação pela globalidade e conclui que é positiva e, como tal, que é injusto fazermos greve.

Explique em que medida o Gestaltismo pode explicar esta visão estapafúrdia do Governo.

---------------------------------------------------------------------------------------------
---------------------------------------------------------------------------------------------


PORTUGUÊS B:

1.. Ai que prazer
.... não cumprir um dever.
.... Ter um livro para ler
.... e não o fazer!

5.. Ler é maçada,
.... estudar é nada.
.... O sol doira sem literatura.
.... O rio corre bem ou mal,
.... sem edição original.
10
E a brisa, essa, de tão naturalmente matinal
.... como tem tempo, não tem pressa...
.... Livros são papéis pintados com tinta.
.... Estudar é uma coisa em que está indistinta
.... A distinção entre nada e coisa nenhuma.
15 Quanto melhor é quando há bruma.
.... Esperar por D. Sebastião,
.... Quer venha ou não!
.... Grande é a poesia, a bondade e as danças...
.... Mas o melhor do mundo são as crianças,
20 Flores, música, o luar, e o sol que peca
.... Só quando, em vez de criar, seca.
.... E mais do que isto
.... É Jesus Cristo,
.... Que não sabia nada de finanças,
25 Nem consta que tivesse biblioteca...

Fernando Pessoa


Com base no poema “Liberdade”, comente a seguinte frase:
“ Pessoa dava um bom Ministro da Educação. ”

CGA


É a crise !!

Depois das mais recentes manifestações ocorridas em Lisboa (Extrema Direita e Professores), ocorreu uma mais gravosa para o governo, a manifestação das forças de segurança.

O governo já recorreu a medidas drásticas dado que, após as manifestações durante o governo Soares, o corpo de intervenção não conseguiu fazer dispersar os seus colegas, mesmo à força com jactos de água.


O ministro da Administração testou a nova arma de dispersão de multidões, o fogo de artifício.
O Teste decorreu como esperado dispersando uma multidão de milhares nas praias da Figueira da Foz, durante as comemorações do S. João, ocorrendo apenas alguns feridos ligeiros.

Foram já lançadas as primeiras Brigadas Foguete para os locais de manifestação e também, de acordo com acontecimentos recentes e após o teste bem sucedido, foram destacados para as praias da linha com especial atenção na praia de Carcavelos.

MAP

quarta-feira, junho 22, 2005

A moda do colete

Este frenesim todo pelo colete de segurança anda-me a dar a volta à cabeça, confesso, porque há situações que eu não entendo e me dão cabo da moleirinha. Senão vejamos:

1. Sai mais barato o tuga dizer às autoridades que se esqueceu do colete em casa do que dizer que o tem mas não o usou. Isto, meus amigos, não é uma moda nova. Isto já vem dos tempos do Eng. Guterres, que sabia o estado em que o país se encontrava, mas preferia dizer às autoridades da comunicação social “Ah, seis vezes três dezoito… isso é uma questão de fazer as contas.”

2. Grosso modo, se a malta estiver nas imediações da viatura parqueada à beira da estrada, deve usar sempre o colete reflector.
Ora pergunto eu:

i) O pessoal que pára as viaturas na berma da estrada para satisfazer suas necessidades carnais tem de usar o colete enquanto dá o pifo atrás do pinheiro?

ii) E as sodônas que se empoleiram no veículo para discutir pricing também o têm de o usar? É que elas, tecnicamente, estão à beira da viatura, mas a parte do corpo que usa colete na prática não se vê, a menos que já os façam em formato “fio dental”.

iii) Chegaremos a ver as autoridades a autuar um casal transgressor?
“ – O shôr condutor vai-me desculpar a interrupção, mas vou ter de o autuar por incumprimento das normas de protecção no exercício de sua actividade à beira da viatura. - Ó senhor agente, mas eu trago preservativos. - Pois, pois… mas não traz colete, seu prevaricador.”

É que das duas uma:

a) A moda do colete não pega: o pessoal cada vez que vai às meninas é autuado, logo o preço final da cambalhota inflaciona. Isso origina perda de mercado para as casas de alterne. Resultado: daqui por um mês teos manifestação de prostitutas no Marquês de Pombal com cartazes a dizer: “Quando querem f**** alguém, toca sempre às mesmas!”

b) A moda do colete pega, e provavelmente sítios como a conhecida e obscura “Recta de Coina” vão passar a ter nomes bem mais suaves e alegres como “Avenida dos Pirilampos”!

Pensem nisto, e… protejam-se!


CGA

segunda-feira, junho 20, 2005

Indianapolis I

A Ferrari continua a somar desilusões na Fórmula 1.
Agora foi em Indianapolis, onde os seus pilotos ficaram em 5º e 6º a contar do fim e, pior, deram apenas uma volta de avanço a Tiago Monteiro.

CGA

Indianapolis II

Narain Karthikeyan conquistou o 4º lugar na corrida de Indianapolis de Fórmula 1.

Depois da manifestação da extrema-direita no sábado, uma boa notícia para a comunidade do Martim Moniz.

CGA

Como não ter exames...

Evolução das desculpas para não fazer exames ao longo do tempo:

ANOS 80
“Professor, o meu cão comeu-me os apontamentos, eu bem queria estudar para o exame mas acho que não estou preparado, posso fazê-lo mais tarde?”

ANOS 90
“Estou sim?! É para dizer que há uma bomba dentro da escola e vai explodir hoje à hora do exame de Português!”

SECULO XXI
“Xi, stôr, tem um carro mesmo foleiro. Também, com o que o Ministério lhe paga… e é melhor estimar o carrito que ainda o vai ter de usar até aos 65! Fogo… se fosse comigo fazia era greve no dia do exame!”

CGA

Já não se pode escrever nada hoje em dia...

Após a proibição de uso de certas palavras nos blogs chineses, tivemos acesso a um excerto de uma composição de um aluno de uma escola da China, censurada pela Microsoft, a mando do governo chinês.

Seguem a vermelho as palavras alvo da censura sino-americana:

"Os meus papás", por Too-Lee Chadoo

O meu pai estava a jogar bilhar de bolso e a ver TV quando chega a minha mãe das compras e diz:
– Oh meu car****, anda cá baixo buscar os sacos! –, ao que o meu pai respondeu:
– F***-se, não os trouxeste até aqui? Carrega o resto, car****! Vai a minha mãe e diz:
– Olha até carregava, ó meu panel****, mas doem-me os braços de andar a esfregar a m**** que tu deixas na casa de banho!
– Se te doem os braços, pendura os sacos nos cor***! – respondeu o meu velho.
–Cor*** tens tu, meu cab***, que ainda ontem saí de casa e fui f**** o teu amigo Chung-Oso do 3º D! Foi à bruta!
– O quê?! Que tu és uma grandessíssima
p*** já eu sabia, agora sair de casa sem a minha autorização?! Mas desde quando é que te dei essa liberdade?!


CGA


terça-feira, junho 14, 2005

Michael Jackson não é pedófilo (?!)

Michael Jackson juntou-se a O.J.Simpson no restrito grupo das "Celebridades que não fizeram nada de especial a não ser violar a lei à bruta" ao ser considerado inocente das acusações de pedofilia de que era alvo.

Ao saber que existe um país onde Michael Jackson é amigo das crianças, o advogado de Bibi tenta agora transferir o processo Casa Pia para o EUA, país onde Bibi pode muito bem ser proclamado o novo "Avô Cantigas", cantando grandes êxitos como o célebre:

"Eu sou o Avô Bibi
Todas as crianças
Passam por aqui
"...



CGA

Fátima, essa mina de ouro!

O fenómeno e os segredos de Fátima transformaram a bela localidade num "piqueno" Vaticano, que rende qualquer coisa como 11 milhões de euros! 11! Onze!

Agora sim, percebo o ditado "O segredo é a alma do negócio".

E no fundo disto tudo, pergunto-me eu: Mas porque raio é que a Igreja não paga IRC?

"Ah, meu filho, a Igreja é uma Entidade muito Singular..." dizem os padres.

Pois é, concordo eu, mas a Igreja não é Deus? E Deus não está em todos nós?

Ora se Deus está em todos nós é uma Pessoa Colectiva! IRC, já!


CGA

A preocupação cultural do tuga...

Morreu Álvaro Cunhal!
Morreu Vasco Gonçalves!

Morreu dois grandes esquerdistas!
Morreram dois anti-fascistas!

ATÉ SEMPRE, CAMARADAS!
ATÉ SEMPRE, CAMARADAS!
ATÉ SEMPRE, CAMARADAS!
...


PS: Ah, e morreu também um tipo qualquer que rabiscava umas coisas, um tal de Eugénio de Andrade...

CGA

Movimentações secretas

Tendo como base relatórios ULTRA SECRETOS obtidos através de um tio que tem um amigo que é afilhado da nora do irmão do primo em 2º grau do Bush, foi lançada a segunda vaga da GUERRA CONTRA O TERRORISMO.

Esta segunda vaga foi uma má intrepretação de Bush após ler relatórios dos anos 70, ordenou o ataque. Esses mesmos relatórios indicavam os principais lideres Comunistas do velho Continente e estavam intitulados
GUERRA CONTRA O COMUNISMO.

Num fim-de-semana alucinante forças especiais limparam o sebo a 2 importantes e históricos lideres da esquerda comunista, Álvaro Cunhal e Vasco Gonçalves.

Bush lamenta a situação. O Pentagono prepara também mais um ataque, este sem o planeamento de Bush, GUERRA CONTRA O IDIOCISMO.

Quem é que será a primeira vítima ?? HUMM ??

MAP


segunda-feira, junho 13, 2005

O "hit" do ano, quiçá do Verão!

Apresentamos em 1ª (e única) mão a bombástica remistura dos "Fúria do Café", banda de hip-hop de Carcavelos, para o tema "Eu gosto é do Verão" dos "Fúria do Açucar"

"Eu gosto é do Verão,
De ser roubado por um baita nêgão,
Sermos espancados na praia
E ficarmos com as calças na mão

E ao fim do dia,
Bem expoliados
Só temos o pôr-do-Sol
Patrocinado por um traficante qualquer"

Isto é mais poderoso que as letras do "General D". O tema da moda, claramente.

CGA

Férias... ou não.

Estão quase a chegar as merecidas férias e já estou a preparar tudo para uns belos dias de praia: chapéu de Sol, protector solar, toalha de praia, colete à prova de bala, duas navalhas e uma 9mm. E viva a época balnear dos tugas!

CGA

sábado, junho 04, 2005

Não (h)á constituição!

A julgar pelos acontecimentos da última semana, a Constituição Europeia deve ser uma coisa mesmo muito má, com graves malefícios para a espécie humana.

O “não” francês até se esperava. Quando se explica a um francês que vai haver uma “Constituição Europeia que se aplica à França”, o “não” é garantido, meus amigos.
Se querem mesmo ver aprovada a vossa constituição na Gália, digam antes que é uma “Constituição Francesa que os outros membros vão copiar”. Aí é garantido que passa, porque essa malta é mais regionalista que os Pinto da Costa.

Agora, o “não” holandês é algo de assustador, até porque eu nem sabia que os holandeses sabiam dizer “não”. Acredito até que as bancas de voto tivessem psicólogos para lhes explicar que há coisas que podemos rejeitar.
As próprias famílias holandesas devem ter recordado aos mais novos os verdadeiros valores da vida nos países baixos.
“Lembra-te, Catherine, tens um emprego sólido na prostituição, uma bela casa com um lindo jardim de cannabis e uma relação sólida com a Ingrid.
E agora vais deitar tudo a perder com essa consituição? Mas que valores te ensinei eu, meu Deus?!”


Na minha opinião, já nem devia haver referendos nos restantes países: uma coisa que quer abranger todo o corpo da Europa, e nem sequer passa nos países baixos, deve ser contra-natura.
Pior: deve ser contra-contra-contra-contra-contra-natura (que em termos lógicos é a mesma coisa que contra-natura, mas a malta gosta é de palavras grandes...)


CGA